Mais de 100 mil pés de maconha são destruídos no Sertão de Pernambuco

Uma operação de combate às drogas no Sertão de Pernambuco conseguiu destruir cerca de 105 mil pés de maconha durante a quinta-feira (19). Mais de 100 mil mudas da planta também foram destruídas e outros 2,4 kg de maconha prontos para o consumo foram apreendidos. A operação foi realizada em três municípios: Cabrobó, Orocó e Santa Maria da Boa Vista.

Um agricultor de 33 anos, natural de Juazeiro, na Bahia, foi preso. Ele foi encontrado dentro de uma das roças, no município de Santa Maria da Boa Vista. A polícia também procura um homem cujo nome estava em uma conta de luz, para prestar depoimento. A operação foi realizada pela Polícia Militar (PM) e também teve o apoio de uma aeronave da Secretaria de Defesa Social (SDS), no município de Orocó.

De acordo com informações da PM, a partir das 10h30, a ação teve início na Fazenda Jatobá I, zona rural de Cabrobó. No local, foram localizadas três roças de maconha, distribuídas em 9 mil covas, com aproximadamente 36 mil pés em fases de colheita. As plantações foram erradicadas e incineradas no local.

Em Orocó, a polícia fez duas apreensões: uma na Fazenda Tapera e outra na Ilha do Tabuleiro. No primeiro local, 21.768 mudas de pés de maconha, que estavam sendo irrigadas com água desviada da Adutora do Oeste, foram encontradas. Também foram apreendidos 2,4 kg de maconha prontos para o consumo. Na Ilha ao Tabuleiro, três plantações de maconha em fase de colheita, com 39.075 pés ao todo, foram destruídas.

Após informações recebidas pela polícia, a operação seguiu para a Fazenda Muquém, no Povoado Caraíbas, em Santa Maria da Boa Vista, onde o agricultor foi preso. No local, havia cerca de 30 mil pés de maconha, além de três canteiros com aproximadamente 80 mil mudas da erva. Amostras do material destruído foram levadas para as delegacias de Polícia Civil dos municípios onde ocorreu a operação.

 Fonte: G1 PE

 

Blog do Banana

Deixe seu comentário