Ação rápida da polícia prende em flagrante homem que sequestrou e matou a própria prima no Sertão

Policiais civis e militares prenderam na noite desta terça-feira (08), em Petrolina, no sertão do estado, um homem suspeito de seqüestrar e matar a própria prima. Diogo Carvalho Mendes, de 30 anos, é apontado como autor do homicídio da fonoaudióloga Silvana de Sá Clementino, de 33 anos. A vítima que teria sido levada num suposto seqüestro foi encontrada morta no porta-malas do seu carro. Poucas horas após o crime, os agentes conseguiram prender o acusado.

Segundo a polícia, familiares da vítima procuraram à delegacia nesta terça para informar que Silvana havia sido seqüestrada e que um resgate de R$ 50 mil teria sido cobrado em troca de sua vida. Investigadores iniciaram às diligências policiais que localizaram o carro da vítima estacionado no pátio de uma pousada na saída da cidade. Após as buscas no veículo, os policiais encontraram o corpo de Silvana no interior do porta-malas. Informações iniciais apontam asfixia como causa da morte.

Imagens de câmeras de estabelecimentos comerciais ajudaram a polícia na identificação do suspeito. Diogo que tem antecedentes criminais por roubo e extorsão foi preso em sua própria residência. Para a polícia, o crime tem indícios passionais. Em depoimento, o acusado informou que mantinha um relacionamento amoroso com a vítima. Ele foi autuado em flagrante por extorsão mediante seqüestro qualificada pelo resultado morte. A pena para o crime varia de 24 a 30 anos de reclusão. Na manhã de hoje (09), o suspeito segue para o Presídio Edvaldo Gomes, em Petrolina.

Polícia Civil de Pernambuco

Blog do Banana

Deixe seu comentário