Cabroboense lançará aplicativo “Comer no Vale” no Sertão do São Francisco

Visando contemplar o turismo e a economia gastronômica do Vale do São Francisco será lançado no dia 3 de novembro o aplicativo de celular Comer no Vale. O App que já está disponível para Android e IOS tem como idealizadora, a influenciadora digital Nancy Freire Cavalcante Novaes. Em seu perfil no Instagram com o mesmo nome do App, Nancy conta com quase trinta mil seguidores. Nele, ela dá dicas dos melhores locais para se comer e beber bem na região.

O aplicativo irá ampliar esse trabalho, pois, contará com informações mais detalhadas de locais interessantes para encontrar uma refeição, um fast food, ou mesmo uma opção low carb em Petrolina-PE e Juazeiro-BA.

Sua interface está dividida por categorias, com opções de delivery, cupons de descontos exclusivos, informativos de passeios e eventos da gastronomia local, além de uma aba de cursos de capacitação, que serão voltados para aqueles que já trabalham no ramo da alimentação, mas ,também, para o público em geral.

Nancy que é da cidade de Cabrobó-PE e realizou seu sonho de morar em Petrolina-PE há seis anos, diz como surgiu a ideia deste projeto.

Ela conta que no dia do seu aniversário esteve em um restaurante de Petrolina, gostou do atendimento e que quis indicar esse local para outras pessoas.

“Foi algo intuitivo. Já no outro dia, 22 de maio de 2016, o Instagram Comer no Vale nasceu. E agora, conforme as solicitações dos meus seguidores, que não conseguiam acompanhar no perfil, informações de forma mais organizada dos locais que eu indicava, criei junto com um desenvolvedor paulista o aplicativo Comer no Vale, mas, na verdade ele é feito à muitas mãos”.

Ainda de acordo com Nancy o foco do APP será as cidades de Petrolina e Juazeiro, “porém pretendo estendê-lo para toda a região. O App é fruto de uma parceria incrível e amorosa dos seguidores comigo, e minha com eles. Um caso de carinho e respeito, que vai proporcionar àqueles que o baixarem conhecer o Vale do São Francisco, através da gastronomia”, declara Nancy Novaes.

Blog do Banana

Deixe seu comentário